Método Kiber

Maio 19 2011

 

 

            A Obesidade Mórbida é considerada uma doença crónica e corresponde a uma epidemia global.

 

            Pessoas com obesidade mórbida - que estão com 45 quilos ou mais acima do peso normal - fazem parte do grupo que mais cresce nos Estados Unidos. De acordo com pesquisa do Instituto Rand Corporation, a proporção de pessoas obesas aumentou em 50% de 2000 a 2005. Esse número representa um crescimento duas vezes mais rápido do que o aumento de pessoas com obesidade considerada moderada.

 

            A Sociedade Espanhola de Cardiologia (SEC) advertiu recentemente um aumento “alarmante” de obesidade mórbida na Espanha nos últimos anos. Assim, em 1993, relataram ter esta condição 1,8 de cada 1.000 habitantes e em 2006 o valor foi de 6,1, representando um crescimento de mais de 200%.

 

            No Brasil a velocidade do aumento da obesidade determina em grande impacto na saúde pública. Na América Latina é aceito que 200 mil pessoas morram anualmente devido à Obesidade; em decorrência dos factores relacionados com a obesidade, hipertensão arterial, diabete melito 2, dislipemia, doença coronariana, apnéia do sono, câncer entre outros. A taxa de mortalidade é 12 vezes maior em homens entre 25 e 40 anos quando comparada a indivíduos de peso normal.

 

            Israel Kamakawiwo'ole, nome artístico de Israel Ka‘ano‘i Kamakawiwo‘ole, nasceu em 20 de Maio de 1959, em Honolulu (Havai) – falecido em 26 de Junho de 1997, Honolulu. Foi um cantor havaiano muito popular no seu estado (onde continua sendo mesmo depois de sua morte). Usava também o nome "Braddah IZ".

 

            No Havai, de onde é oriundo, sempre foi famoso não só pela música mas pelas letras que exprimiam o amor pela sua cultura e raízes (Israel era descendente de uma linhagem pura de nativos havaianos). Também nunca ocultou a sua posição a favor da independência do Havai e de defesa dos direitos dos havaianos.

 

            Em diversos álbuns musicais lutava pela independência do Havai e direitos humanos dos habitantes locais. A ilha foi invadida militarmente pelos Estados Unidos no ano de 1898, tornando-se estado norte americado em 1900.


            Anteriormente a chegada dos ocidentais (europeus e norte-americanos) os nativos do Havai viviam numa sociedade altamente organizada, auto-suficiente e subsistente, baseado no arrendamento de terras comunais, possuindo um sofisticado idioma, cultura e religião.

 

            Um de seus álbuns mais famosos foi "Facing the Future", de 1993, trabalho que o lançou para a fama mundial, onde consta o tema "Over the Rainbow/What a Wonderful World", uma versão que mistura dois clássicos da música dos E.U.A.: “Somewhere Over the Rainbow”, do filme "O Mágico de Oz"/"O Feiticeiro de Oz", e “What a Wonderful World”, onde apenas se ouvem a sua voz suave acompanhada pelo seu ukelele, que rapidamente se tornou um êxito mundial e que lhe rendeu vários prémios. Esta música aparece em diversos episódios de séries norte-americanas como Cold Case e E.R; também foi trilha dos filmes, Meet Joe Black (Encontro Marcado, de 1998), Finding Forrest (Encontrando Forrest, de 2000) e, mais recentemente, 50 First Dates (Como se fosse a primeira vez, de 2004).

 

            Ao longo da sua carreira musical, Iz debateu-se com muitos problemas de saúde relacionados com o seu peso excessivo chegando a pesar 343 kg, para um corpo com 1,88m. Aos 38 anos, faleceu devido a problemas respiratórios causados pela obesidade mórbida.

 

            Em todos os cantos do Havai, ainda se escuta a música dele.

 

            Ele criou um estilo contemporâneo da música tradicional Havaiana ao gravar o clássico "Somewhere Over The Rainbow. Em 2001 foi lançado o cd "Alone In IZ World", um álbum póstumo contendo vários sucessos e temas inéditos.

 

PROF. KIBER SITHERC

 

 

 

 

kiber-sitherc@sapo.pt
publicado por professorkibersitherc às 23:01
Tags:

Pena. Grande, grande artista.
Anónimo a 12 de Dezembro de 2012 às 02:49

Ele foi um grande artista .Sua voz tão suave e afinada ,trazia paz para quem o ouvia.
Lica Soares a 30 de Janeiro de 2013 às 01:24

Ele cantava muito bem, sua voz tão suave e linda, ele é um ídolo!
Wemerson silva dos Santos a 4 de Abril de 2013 às 03:37

nossa so agora tomei conhecimento desta musica linda nao sabia nem que ele era falecido a voz dele é muito muito linda que pena uma enorme perda sem palavras
sonia regina deoliveira a 22 de Julho de 2014 às 01:22

Foi um grande artista
alex a 17 de Novembro de 2014 às 16:00

Excelente post, aprendi sobre a vida deste grande interprete aqui. Obrigado
Anónimo a 5 de Agosto de 2016 às 02:13

Só temos uma vida, por isso, teremos que vivê-la intensamente de uma maneira agradável e positiva. Faça tudo o que estiver ao seu alcance, antes que seja demasiado tarde! Pensamento Positivo! kiber-sitherc@sapo.pt

contador gratis
Interactividade
Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO