Método Kiber

Fevereiro 27 2010

 

            Damos gargalhada quando achamos algo humorístico. Apresentaremos as três teorias tradicionais sobre aquilo que achamos divertido.
 
            A teoria da incongruência sugere que o humor cresce quando lógica e familiaridade são substituídas por elementos que normalmente não andam juntos. O pesquisador Thomas Veatch diz que uma piada se torna engraçada quando esperamos uma coisa e acontece outra. Quando a piada começa, nossas mentes e corpos já estão antecipando o que vai acontecer e como ela vai terminar. Esta antecipação tem a forma de um pensamento lógico interligado com a emoção, e é influenciado por nossas experiências passadas e por nossos processos de pensamento. Quando a piada segue por uma direcção inesperada, nossos pensamentos e emoções precisam mudar repentinamente. Assim, temos emoções novas apoiando uma linha de pensamento diferente. Em outras palavras, experimentamos simultaneamente dois conjuntos de pensamentos e emoções incompatíveis. Ou seja, experimentamos a incongruência entre as diferentes partes da piada.
 
            A teoria da superioridade aparece em cena quando rimos de piadas que focam os erros, a estupidez ou o infortúnio de alguém. Nós nos sentimos superiores a esta pessoa, experimentamos um certo desligamento da situação e assim temos a capacidade de rir dela.
 
            A teoria do alívio é a base para um artifício utilizado há muito tempo pelos produtores de filme. Em filmes de acção ou de suspense onde a tensão é alta, o director utiliza o alívio cómico nas horas certas. Ele constrói muita tensão ou suspense e logo quebra o suspense ou a tensão através de um comentário paralelo, possibilitando ao espectador aliviar-se da emoção reprimida, assim o filme pode construir a tensão ou o suspense novamente! Da mesma forma, uma situação ou uma história real cria tensão dentro de nós. Enquanto tentamos enfrentar dois conjuntos de emoções e pensamentos, precisamos de alívio e a risada é o caminho para limpar nosso sistema de tensão crescente e incongruência. De acordo com a Dra. Lisa Rosenberg, o humor, especialmente o humor negro, pode ajudar os trabalhadores a lidar com situações stressantes. Ela diz: "a acção de produzir humor, de contar uma piada, nos dá uma pausa mental e aumenta a nossa objectividade diante da tensão opressiva".
            Agora compreenderemos por que nem todos acham graça das mesmas coisas.
 
PROF. KIBER SITHERC
 
 
kiber-sitherc@sapo.pt
publicado por professorkibersitherc às 00:03
Tags:

Só temos uma vida, por isso, teremos que vivê-la intensamente de uma maneira agradável e positiva. Faça tudo o que estiver ao seu alcance, antes que seja demasiado tarde! Pensamento Positivo! kiber-sitherc@sapo.pt

contador gratis
Interactividade
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

14
18
20

22



pesquisar
 
blogs SAPO